top of page

5 valores para você ensinar para seus filhos nesta Páscoa

Todo ano é a mesma coisa.


O carnaval mal termina e, antes mesmo de pensarmos que dentro de algumas semanas celebraremos a Páscoa, os supermercados já estão repletos de irresistíveis ovos de chocolate – cada vez mais caros, por sinal – pendurados pelos corredores.


Tudo bem, sabemos que os ovos simbolizam nascimento e vida, o que tem tudo a ver com a Páscoa, festa da ressurreição de Jesus Cristo.

Acontece que essa e outras mensagens sobre o real significado dessa data ficam

praticamente invisíveis em meio a uma maioria esmagadora de mensagens consumistas.


Logo, é muito fácil desviarmos nossos olhares e, principalmente, nossos corações daquilo que é o verdadeiro sentido desta grande festa da Páscoa.


E para as crianças isso não é diferente.


Assim como tudo em seu processo de aprendizagem, a criança só compreenderá os valores da Páscoa se os pais falarem sobre eles e, acima de tudo, demonstrarem, pelo exemplo, que acreditam nisso. Então, compre sim chocolates (quem não gosta?), mas não deixe de transmitir aos pequenos os bons valores que esta celebração pode suscitar em cada um de nós e, consequentemente, nos tornar pessoas melhores:





1. Fé


Conte a história de Jesus Cristo a seu filho e explique que ele foi um homem que veio ao mundo para nos ensinar a amar.


Os milagres que ele realizou e a sua ressureição, três dias após sua morte, nos ensinam a cultivar a fé, essa força interior que nos faz acreditar em algo que seria inacreditável.


Como pode alguém morrer e voltar a viver?


Para os pequenos, essa relação pode ser um pouco complicada de ser compreendida.

Por isso, você pode associar a fé àquilo que seu filho não pode ver, mas consegue sentir, como o vento, por exemplo.

Quando estamos desanimados ou passamos por momentos difíceis, é a fé de que nada é impossível que nos dá força para perseverar.





2. Esperança e interiorização


Na sexta-feira santa, os cristãos lembram a morte de Cristo na cruz.

Por isso, as horas que antecedem o domingo da ressurreição trazem uma sensação de vazio, afinal, Jesus está morto.


É uma grande oportunidade de apresentarmos o valor do silêncio e da interiorização para as crianças.


Você pode criar junto com as crianças um espaço com algumas velas e deixar que elas mesmas organizem um ambiente que lhes traga paz.


Este silêncio não é de morte, mas sim de vida que pulsa dentro de cada um, pois Jesus ressuscitará, é tempo de acreditar.





3. Caridade e amor ao próximo


A Páscoa pode ensinar a todos, independentemente da opção religiosa, que o verdadeiro sentido da vida se encontra no ensinamento e no exemplo de vida de Jesus Cristo: ‘amai-vos uns aos outros assim como eu vos amei’ (Jo 15, 12).


A passagem em que Jesus lava os pés dos discípulos também contribui nessa reflexão. Simular esse ato tão bonito com as crianças pode levar a um diálogo interessante sobre caridade, solidariedade e serviço. Lavar os pés é colocar-se junto com o outro, em pé de igualdade.